Sobrenatural Brasil
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.

Livro das Sombras

Ir em baixo

default Livro das Sombras

Mensagem por † Lobo † em Seg 25 Mar 2013 - 0:34

1.Houve um mestre que veio a terra, nascido na terra santa, criado nos montes misticos depois das mais altas montanhas



2.O mestre aprende sobre este mundo nas escolas publicas dessa terra santa e, ao crescer, em seu oficio de motorista de automóveis.



3.Mas o mestre conhecia outras terras e outras escolas,de outras vidas que tinha vivido. Lembrava-se disso,e,lembrando-se,tornou-se sábio e forte, de modo que outros viram a sua  força e o procuravam, em busca de seus conselhos.



4.O mestre acreditava que tinha o poder de ajudar a si mesmo e a toda humanidade,e,acreditando, assim era para ele,de modo que outros viram o seu poder e o procuraram para se curar de seus problemas e suas doenças.



5.O mestre acreditava que todo homem deve considerar-se filho de Deus, e , acreditando, assim era, e as garagens que trabalhava apinhavam com aqueles que procuravam a sua sabedoria e o contato com ele,e as ruas de fora dicavam cheias daqueles que desejavam apenas que a sombra de sua passagem pudesse cai sobre eles, modificando suas vidas.



6.E assim seguiu pelos campos e os que iam com ele começaram a  chama-lo de o mestre, o que operava milagres, e assim era.



7.Se sobreviesse uma tempestade, enquanto ele falava,nem uma gota tocava a cabeça de seus ouvintes,o ultimo da multidão ouvia suas palavras tao claramente quanto o primeiro, mesmo que houvesse raios ou trovoes no céu. E sempre lhes falava em parábolas.



8.E lhes disse:"Dentro de nos esta o poder do nosso consentimento para a saúde e a doença, a riqueza e a pobreza, a liberdade e a escravidão. Somos nos que controlamos isso e não outros."



9.Um moleiro disse:"Essas  palavras são fáceis em tua boca, mestre, pois es guiado como não somos nos, e não precisas trabalhar como trabalhamos, para ganhar a vida neste mundo."



10.O mestre respondeu: "Uma vez havia uma aldeia de criaturas no fundo do leito de um grande rio cristalino.



11.A corrente do rio passava silenciosamente por cima de todos eles, jovens e velhos, ricos e pobres, bons e maus, a corrente seguindo seu caminho, só conhecendo o seu próprio ser cristalino.



12.Cada  criatura,a seu modo, se agarrava fortemente as plantas e pedras do leito do rio,pois agarra-se era o seu modo de vida,e resistir a corrente era o que cada um tinha aprendido desde que nascerá.






13.Mas uma das criaturas disse, por fim: Estou farto de me agarrar. Embora não possa ver com meus próprios olhos, espero que a corrente saiba para onde esta indo. Vou soltar-me e deixar que ela me leve para onde quiser. Se me agarrar, morrerei de tedio!



14."As outras criaturas riram-se e disserao:LOUCO!Se voce se soltar,essa corrente que voce adora o lançara despedaçado sobre as pedras e sua morte sera mais rapida do que a causada pelo tedio!"



15.Mas aquele nao lhes deu ouvidos e,respirando fundo,soltou-se,e imediatamente foi lançado e despedaçado pela corrente sobre as pedras!



16."mas com o tempo,como se ele recusasse a tornar a se agarrar,a corrente o levantou,livrando-o do fundo,e ele nao se machucou nem se magoou mais."



17."E as criaturas mais abaixo no rio,para quem ele era um estranho,exclamaram:vejam,um milagre!Uma criatura como nos,e no entanto voa!Vejam,e o messias que chegou para nos salvar!''



18."E aquele que foi carregado pela corrente disse:"nao sou mais messias do que voces.O rio tem o prazer em nos erguer a liberdade,se ousamos nos soltar.O nosso verdadeiro trabalho e essa viajem,essa aventura."







            




Confira O Diário De Um Wicca
† Lobo †
† Lobo †
ADMINISTRADOR

Mensagens : 2236
Data de inscrição : 28/11/2011

Ver perfil do usuário https://www.sobrenaturalbrasil.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum