Sobrenatural Brasil
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.

CASA MALDITA

Ir em baixo

default CASA MALDITA

Mensagem por † Lobo † em Dom 4 Mar 2012 - 20:48

As histórias que contarei aqui são verídicas, e ocorreram em minha antiga casa.

Talvez a origem de tanta coisa ruim seja por causa de vários anos atrás, quando, por curiosidade, eu e meus amigos e primos, que então éramos todos crianças, fazíamos aquela brincadeira do copo, e também a do compasso. As vezes, alguns achavam que o copo ou o compasso estava sendo movimentado por algum participante, mas nem sempre foi assim...

Certa vez, um primo colocou uma barata dentro de um copo e a deixou lá por um bom tempo, até ela morrer. E uma vez nós usamos esse mesmo copo para fazer a brincadeira. Lá pelas tantas, quando alguém perguntou "quem está aí" para o copo, esse meu primo foi fazer graça e começou a movimentar o copo para este formar a frase: "Eu sou o espírito da barata". Quando estávamos todos xingando ele e até dando risada da gracinha, o copo simplesmente saiu em disparada e arrebentou-se na parede, quando não tinha ninguém mais com o dedo encima dele!

Em outra oportunidade, desta vez usando um compasso, estávamos em 5 pessoas e como sempre, havia um engraçadinho que ficava fazendo graça. Estávamos todos levando a sério, menos um amigo, que, por sorte (já saberão por que), estava sentado encima de um papelão, fazendo assim esse papelão ficar um pouco inclinado, perto do chão. Depois de um certo tempo lá, brincando com os espíritos, estávamos dando risada de mais alguma gracinha desse amigo quando o compasso, num golpe muito rápido, voou em direção à perna dele! E como eu disse, por sorte tinha o papelão, senão a ponta do compasso iria cravar em seu joelho, mas acabou ficando presa no papelão.

Eu tenho uma tia que era espírita, e ela tinha um boneco que ela e seus filhos (que não eram espíritas!) diziam que tinha vida! Ele até tinha uns ralados no joelho, que eles dizem que era dele cair quando andava. Quando ela largou o espiritismo, foi livrar-se de seus "materiais" e na hora de se livrar do boneco, ela foi dar justo pro meu irmão que era mais novo!! Como não acreditávamos muito nessas coisas, aceitamos e o bicho ficava no meu quarto (que eu dividia com o meu irmão). Acontece que meu irmão começou a ter freqüentes pesadelos e acordava chorando de noite falando que o boneco o estava ameaçando! Meus pais falavam que era só sonho, ele sempre se acalmava, mas a verdade é que meu irmão pegou um pânico tão grande do boneco que minha mãe teve que levar embora.

Há pouco tempo antes de mudarmos dessa casa, algo assombrou minha mãe. Como meu pai trabalha a noite e meus irmão dormem cedo, minha mãe ficava sozinha no quarto dela assistindo TV e eu no meu. Até que ela começou a ouvir passos no corredor do quintal ,ao lado de seu quarto. Ela vinha horrorizada me contar e eu saía com um pedaço de pau pelo quintal, que era pequeno, à procura de alguém, mas nunca encontrava nada. Ela até que a medida do possível foi se "acostumando" com esses passos, até que um dia, ela veio chorando em desespero me chamar falando que tinham batido muito forte na janela! Eu não ouvi nada, mas como de costume fui investigar, não encontrando nada. Ela estava SE convencendo que estava ficando louca, até tinha entrado em depressão, quando tudo parou e ela nunca mais foi perturbada por isso.

Acontece que a nossa vizinha também é espírita e certa vez ela veio nos procurar para contar algo realmente MUITO assustador. Ela disse que era dia ainda e ela ouviu passos muito fortes no corredor do quintal e ficou curiosa para saber quem estava andando daquele jeito tão pesado. Aí ela pegou uma cadeira, encostou no muro e foi ver o que era. Bem... ela não soube dizer ao certo o que tinha visto e nem gostou nada de falar isso, mas descreveu como sendo "a coisa mais horrível do mundo" aquilo que ela viu!!!

Certa noite eu estava sozinho em casa assistindo TV na sala. Eu não sou muito assustado pra essas coisas, então sempre fiquei sozinho e até então nunca tinha tido nenhum problema. Mas essa noite foi diferente... Eram umas 21:00 e alguém bateu na porta!!! O pior é que o único portão é bem barulhento e dá pra saber de longe se alguém entrou e quando chega alguém os cachorros já começam e latir como loucos. Eu dei um pulo do sofá e fui até a porta e perguntei "quem é?" mas ninguém respondeu. Eu perguntei de novo e nada. Então eu colei o ouvido na porta pra ver se ouvia alguma coisa, mas nada também. Nem passos, nem barulho de portão, nem cachorro latindo, NADA! E, ainda assustado, resolvi espiar pelo vitrô da sala, pois dava pra ver o portão, mas este estava fechado e não havia sinal de ninguém por lá! Mas ainda assim, até hoje prefiro acreditar que foi algum ladrão querendo invadir minha casa!

Bem... acho que é "só". Mudamos dessa casa já faz alguns anos, mas foi por outros motivos. E nunca mais presenciei nada junto com a minha família. E nem quero.

e-mail para contato: [email protected]

Diego - Leme - S.P.
Bom Medo ExtremoCASA MALDITA Novas10
Fonte: alemdaimaginacao.com
† Lobo †
† Lobo †
ADMINISTRADOR

Mensagens : 2236
Data de inscrição : 28/11/2011

Ver perfil do usuário https://www.sobrenaturalbrasil.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum